fbpx

Vários fatores estão fazendo com que as empresas prefiram investir em uma hospedagem dedicada. Um deles é a exclusividade, já que, como o próprio nome diz, é um modelo que permite que servidores fiquem à disposição para sanar todas as necessidades de um negócio.

Em um mercado que fica a cada dia mais competitivo, as empresas utilizam a tecnologia a seu favor para alcançar as metas desejadas, como disponibilizar seus serviços em um servidor com maior segurança e desempenho. Entre todos os tipos de hospedagem de sites, a dedicada é a que oferece o melhor serviço, superando, por exemplo, os meios compartilhados.

Preparamos este texto para que você saiba por que vale a pena investir em uma hospedagem dedicada. Confira agora!

O que é hospedagem dedicada?

Um host dedicado nada mais é que um servidor que fica totalmente à sua disposição. Se na hospedagem compartilhada há uma divisão do servidor com vários clientes, na dedicada ele pertence somente a você. Assim, todos os recursos serão exclusivamente para sua empresa, mas você também será o responsável por gerir o servidor.

É importante entender que essa opção não é recomendada para qualquer público. O motivo disso envolve custos, pois a exclusividade demanda recursos e, por isso, é preciso saber o momento exato de realizar esse tipo de investimento.

A hospedagem dedicada é indicada para clientes que contabilizam muitos acessos em seu site, blogs, e-commerce, entre outros. Pode-se citar negócios de grande porte que precisam de um sistema on-line para manter todos os processos interligados.

Algumas empresas disponibilizam o acesso a um servidor dedicado com recursos reduzidos. Contudo, as melhores prestadoras de hospedagem dedicada oferecem o servidor com um painel de controle administrativo que simplifica o gerenciamento da hospedagem. Por isso, é muito importante escolher corretamente na hora da contratação.

Para quem a hospedagem dedicada é indicada?

A hora de escolher o melhor ambiente para hospedar uma aplicação web, sempre vem em mente a dúvida cruel: quando devo escolher uma hospedagem dedicada em detrimento de uma compartilhada? Devo pensar na segurança? Na personalização? No tráfego?

A verdade é que a escolha do tipo de hospedagem tem a ver com todos esses fatores. Em suma, podemos dizer que uma hospedagem em um servidor dedicado é recomendada para sites, lojas virtuais e e-commerce que têm um alto volume de tráfego, uma grande demanda por armazenamento de dados e que trabalham com dados sensíveis de clientes.

Além dos sites, uma hospedagem dedicada pode servir de base para o desenvolvimento, testes e implementação de uma aplicação empresarial, criação de uma rede interna e disponibilização de dados de forma privativa.

Quais são as principais vantagens desse tipo de serviço?

Existem diversas vantagens em optar por serviços dedicados. Vamos explicar para você algumas delas!

Performance

A hospedagem dedicada favorece o desempenho de aplicações e de sites. Por se tratar de uma solução totalmente única, o tráfego inclina-se a ser bem menor quando comparado ao meio compartilhado, por exemplo. Dessa forma, essa opção auxilia na navegação, além de diminuir o tempo de carregamento.

Isso faz com que a hospedagem dedicada seja capaz de reduzir consideravelmente a lentidão de sites e de sistemas, colaborando com a confiabilidade dos visitantes e dos usuários.

Flexibilidade

Com esse recurso, há maior controle sobre o ambiente de hospedagem e total liberdade para instalar plugins, scripts e módulos que achar necessário, o que não ocorre em soluções de hospedagens compartilhadas, uma vez que não permitem tanta agilidade aos usuários. O servidor dedicado auxilia também a escalabilidade de projetos que apresentam um crescimento mais veloz ou com picos de acesso.

Autonomia

Outro ponto a se destacar com a hospedagem dedicada é a autonomia que ela proporciona aos profissionais de TI ou ao desenvolvedor, seja para gestão de acessos, seja para controle do banco de informações. Com ela, torna-se viável ter acesso à linha de comando como root.

Estabilidade

O equilíbrio é outra questão muito importante da hospedagem dedicada, que tende a ser melhor devido à exclusividade. As soluções dedicadas costumam ficar em data centers de primeira categoria, contando com os melhores recursos de rede e de hardware. Por conta disso, a infraestrutura utilizada promove melhores condições de desempenho e de estabilidade aos clientes.

Segurança

Quando se fala em segurança, a preocupação se torna bastante menor para quem optar por uma hospedagem dedicada pelo fato de que os acessos limitados podem ser personalizados de acordo com cada necessidade. Isso sem falar que nela você pode bloquear IPs, além de várias outras ações de segurança.

Melhor configuração de hospedagem

A característica de um site com servidor dedicado é exclusiva. Entre os benefícios estão a maior largura de banda e de espaço para questões de armazenamento. Com soluções compartilhadas, a competição por armazenamento e acessos é acentuada, sem considerar que nem sempre a divisão é justa dos recursos de memória e processamento.

Assim, se você divide o seu servidor com uma página que conta com grande tráfego de visitantes, certamente haverá prejuízos a longo do tempo. Com um servidor dedicado, você não passar por esses tipos de riscos.

Único endereço de IP

Cada servidor apresenta seu próprio endereço IP. Com hospedagem compartilhada, verifica-se o compartilhando de um endereço IP com diversos sites. Caso um deles seja um site de spam ou de conteúdo adulto, o ranking do seu site pode ser direcionado para baixo, prejudicando a busca pelas suas soluções.

Com hospedagem dedicada, você tem disponível um servidor dedicado, o que quer dizer que terá o seu próprio endereço IP. Isso é bastante importante para quem tem um grande site de e-commerce, por exemplo, que exige SSL para processamento de cartão de crédito.

Quais as boas práticas para a melhor utilização do servidor dedicado?

Já sabemos o que é e os benefícios de se utilizar uma hospedagem dedicada. Agora, vamos entender melhor, quais são as boas práticas para o melhor aproveitamento desse ambiente. Não é segredo para ninguém que a segurança dos dados é uma preocupação cada vez maior dos gestores.

Mais do que simples informações, estamos falando de um material que serve de base para a gestão, permitindo que o gestor faça as suas análises estratégicas com foco no crescimento dos negócios. Sendo assim, neste tópico, vamos abordar as boas práticas na utilização da hospedagem dedicada, com foco na proteção desse ativo tão valioso. Acompanhe!

Mantenha os softwares atualizados

Muita gente acredita que as atualizações dos softwares são feitas apenas para acrescentar novas funcionalidades à aplicação. Mas a verdade é que a atualização também é feita quando há a necessidade de alguma correção no programa e, dentro dessas correções, estão as possíveis vulnerabilidades que o sistema pode apresentar, que pode colocar em risco não só os dados dos usuários como a infraestrutura como um todo.

Os hackers estão sempre atentos às atualizações dos softwares e, quando descobrem que foi feita alguma melhoria de segurança, vão atrás de quem ainda está com a versão desatualizada, para agir em cima da vulnerabilidade identificada. Nesse cenário, a melhor prevenção contra esse tipo de manobra é manter todos os drives atualizados, se possível, de forma automática.

Invista em backup

Por melhor que seja o seu provedor de hospedagem dedicada e as políticas de segurança que você pretende implementar em seu servidor, sabemos que não existe ambiente 100% seguro.

É muito importante que a sua empresa tenha um plano “B”, caso aconteça algum problema irreversível com os dados ou com o sistema, seja por invasão ou por problemas técnicos. A melhor maneira de fazer essa prevenção é por meio de uma boa política de backup e disaster recovery — recuperação de desastres.

Você pode criar um sistema de backup utilizando o próprio servidor dedicado, um servidor compartilhado adicional ou com um dispositivo de armazenamento externo. Uma das formas mais utilizadas atualmente para fazer um backup elástico, é com a utilização da computação em nuvem como auxiliar.

É importante que os backups sejam regulares e automatizados, para que haja uma redução na margem de erros, evitando que deixe de ser feito por esquecimento e que seja garantido um ponto de recuperação de dados mais próximo possível do evento que causou o problema para que não haja grandes perdas.

Avalie os riscos

As boas práticas para a boa utilização de uma hospedagem dedicada deve ser um processo de melhoria contínua. Isso porque, no setor de TI, a velocidade com que surgem novas soluções que melhoram o nosso dia a dia e ameaçam a nossa infraestrutura é bem maior do que no mundo analógico. A evolução tecnológica torna os sistemas mais robustos, o que faz com que os vírus e malwares sejam muito mais difíceis de combater.

Sendo assim, é importante que haja uma avaliação periódica para que sejam identificados os potenciais riscos e os impactos que eles podem ter, tanto para a infraestrutura de TI quanto para os negócios.

Uma dos maiores problemas enfrentados pelos gestores são os ataques ransomware, que consiste no sequestro de dados ou de um sistema corporativo, com liberação mediante pagamento de resgate. Essa nova modalidade de ataques, em seu início pegou várias empresas de surpresa, pois a maioria estava focada na prevenção contra roubos e vazamentos.

A criação de uma protocolo de mitigação de danos passa a ser essencial, pois, mesmo com o pagamento de resgate, não há a menos garantia de que o sistema ou os dados serão recuperados, afinal, estamos lidando com pessoas fora da lei.

Implemente uma política de segurança

Mais do que planejar ações pontuais, é importante que a empresa conte com uma política de segurança sólida, com as diretrizes de segurança bem definidas. Não é segredo para ninguém que a maioria das falhas de segurança relacionadas ao TI ocorrem por fator humana. O Shadow IT, utilização de softwares não autorizados, aliado ao acesso irregular a determinadas áreas do servidor e inserção de dispositivos de armazenamento não autorizados são a porta de entradas para essas ameaças.

Nesse cenário, a criação de boas políticas de segurança chegam para normatizar essas regras dentro da empresa, deixando claro o que é permitido e o que é proibido no uso do servidor dedicado, além dos riscos inerentes de todas as ações inseguras por parte dos colaboradores.

Qualifique a sua equipe

De nada adianta tomar as precauções necessárias, criando políticas de segurança, se os colaboradores não estiverem engajados nos mesmos objetivos que a empresa. Sendo assim, para que os profissionais entendam a importância da proteção ao servidor dedicado, não só como uma preocupação do setor de TI, mas da empresa como um todo, é importante que todos os itens presentes na política de segurança seja claros.

Não adianta apenas falar que há um risco, como um ataque ransomware, é necessário dar exemplos práticos de como ele acontece e os prejuízos que pode trazer. É necessário que haja um treinamento, para que haja a normatização de condutas e uma integração de ideias para que seja atingido esse objetivo comum.

Como escolher uma hospedagem dedicada de qualidade?

Como estamos falando de um método dedicado, sua escolha se torna bem mais complexa do que uma hospedagem compartilhada ou VPS (servidor virtual privado), por exemplo. Assim, você deve observar algumas características para definir qual modelo optar, como:

  • averiguar se a opção de servidor dedicado é gerenciado ou não;
  • saber se o data center será o local em que o servidor ficará instalado e armazenado;
  • analisar se os softwares e hardwares utilizados pelo servidor dedicado atendem a suas necessidades de aplicação;
  • observar se a solução escolhida não apresenta fraca conexão e, com isso, fique indisponível;
  • entender quais são suas reais necessidades e compreender as expectativas no uso do servidor;
  • saber se a hospedagem dedicada supre as necessidades do atendimento ao cliente de sua empresa, se oferece qualidade e serviços em tempo real;
  • analisar se o preço oferecido se reflete em bom atendimento, pois levar em consideração sempre o menor preço pode se tornar prejuízo ao negócio ao longo do tempo.

Além disso tudo, é preciso conhecer quem é a empresa de hospedagem que você está contratando. Assim, você deve optar por quem tenha experiência no mercado e que ofereça soluções de qualidade a seus clientes. A importância da avaliação da empresa com que você manterá uma parceria, é de suma importância, afinal, você não que ter que trocar de provedor no meio da implementação e migração.

A Valuehost é uma dessas empresas que oferecem hospedagem em todo o Brasil e conta com excelentes serviços e um suporte completo de atendimento ao cliente. Por isso, quando buscar por serviços de hospedagem dedicada, escolha a melhor!

E aí, gostou deste post? Quer saber como contar com uma hospedagem dedicada de ponta em sua empresa hoje mesmo? Entre em contato conosco e descubra como.

Escreva um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.