fbpx

Há algumas décadas, para construir um site, a pessoa teria que ter conhecimentos em, no mínimo, três linguagens: HTML, CSS e JavaScript. A evolução dos CMS — sistema de gerenciamento de conteúdo —, como o WordPress, facilitou muito a vida tanto dos desenvolvedores quanto dos autodidatas, que estão em busca de uma ferramenta para criar um site pessoal ou para a sua empresa. 

Graças aos plugins e widgets, é possível inserir de forma prática em um site, botões de compartilhamento em redes sociais, formulários para a captação de leads, barras de pesquisas, ferramentas para a análise de métricas de SEO — otimização para mecanismos de buscas —, que ajudam o conteúdo a ganhar posições no ranking do Google.

Neste post, vamos entender melhor o que são plugins, widgets e as suas diferenças. Confira!

O que é um plugin?

Os plugins ajudam a estender as funções do WordPress, elevando o nível de seu site. Pense nos plugins como os aplicativos que você instala em seu smartphone. Seu telefone pode executar muitas tarefas por conta própria, mas, com a instalação de aplicativos adicionais, ele fica ainda mais poderoso. Os plugins fazem isso com o seu site.

Por exemplo, se você deseja vender um e-book em seu site, pode usar um plugin para adicionar as opções de pagamento, sem a necessidade de o cliente ter que ir a um site de terceiros — o que daria mais tempo para ele repensar a compra ou até mesmo desistir. Você também pode usar os plugins para criar uma loja online, configurar mensagens pop-up, para aumentar sua lista de e-mails, e muito mais.

Como instalar os plugins?

Com mais de 50.000 plugins disponíveis no diretório oficial do WordPress, você certamente encontrará um para cada função ou recurso que deseja adicionar ao seu site. Para instalar um novo plugin, vá para a página “Plugins”, “Adicionar novo”, busque pelo plugin desejado e clique no botão “Instalar”.

Se você comprou um plugin de terceiros, primeiro faça o download do plugin e depois o upload do arquivo ZIP para instalá-lo.

O que é um widget?

O widget é um tipo de ferramenta que permite adicionar recursos e segmentos ao seu site, mais especificamente, ao design do tema. Com os widgets, você pode adicionar seções ao seu site ou barra lateral do blog.

Por exemplo, se você deseja mostrar um anúncio na área da barra lateral, pode fazê-lo usando um widget. Você também pode adicionar caixas para a captação dos e-mails dos leads, botões de mídia social, exibir as postagens mais populares do blog e muito mais.

Quando você instala o WordPress, ele vem com um conjunto de widgets pré-instalados. Essa coleção de widgets aumentará assim que você começar a instalar plugins. Alguns plugins vêm com seus próprios widgets que executam funções específicas.

Como utilizar os widgets?

Os widgets desempenham um papel crucial para quem deseja criar uma lista de e-mail, gerar receita com seu site e reduzir a taxa de rejeição. Simplificando, podemos dizer que a barra lateral do seu blog será um espaço vazio sem widgets.

Para usar os Widgets, tudo o que você precisa é fazer login no painel do WordPress e depois escolher a sequência:

  • Aparência;
  • e Widgets.

Nesta página, você terá diferentes opções de barras laterais para o seu site. Para adicionar um widget, arraste o escolhido e solte na barra lateral, para que seja adicionada uma nova funcionalidade ao blog.

Quais são as principais diferenças entre plugins e widgets?

Embora existam muitas semelhanças entre plugins e widgets, eles são criados para propósitos diferentes. Aqui estão apenas algumas diferenças entre as duas ferramentas.

Os plugins tornam seu site mais poderoso

Os plugins do WordPress são muito mais poderosos que os widgets. Com eles, você pode adicionar recursos para estender a funcionalidade do seu site. Com plugins como o WooCommerce, você pode transformar seu site em um e-commerce profissional, sem a necessidade de conhecer uma linha de código.

Os widgets ajudam a melhorar as interações no site

Os widgets são úteis para aproveitar ao máximo a barra lateral de seu site. Seja para adicionar um anúncio do Google Adsense, um formulário de inscrição por e-mail ou uma lista de postagens populares.

Os plugins podem melhorar o desempenho de seu site

Os plugins contribuem para melhorar o desempenho do site e otimizar a velocidade. Com plugins como o WP Super Cache, você pode otimizar seu site para reduzir o tempo de carregamento. Também pode melhorar o ranqueamento do Google utilizando o Yoast SEO.

Quando devo utilizar um plugin ou widget?

Como podemos ver, os plugins e widgets se tornaram ferramentas indispensáveis ​​para qualquer site. Embora os plugins tenham muito mais funcionalidades, os widgets têm o seu valor. Para definir que você precisa de um deles ou de ambos, deverá fazer uma lista de prioridades sobre o que deseja realizar em seu blog e como quer alcançar esses objetivos.

Se você não deseja nenhuma funcionalidade específica em seu site e se preocupa apenas com a aparência, usar um widget é a melhor opção. Personalize seu site adicionando área de texto, barra de pesquisa etc.

Se o seu objetivo for adicionar funções de alto nível, como melhorar o desempenho de SEO ou criar um backup do site, existem plugins como o pacote de SEO All-in-One e o WP Smush, que facilitarão muito esse trabalho.

O que não pode faltar na arquitetura de um site?

Embora a busca por personalização e identidade de marca seja o ponto de partida para a criação de um bom site, alguns elementos básicos são essenciais. Esses elementos podem ser criados do zero — com códigos HTML, CSS, JavaScript, PHP e outras linguagens —, ou com a ajuda dos plugins e widgets. Esses elementos são:

  • botões de redes sociais — facilitam o compartilhamento de seu conteúdo, possibilitando o aumento de tráfego para o seu site, além da busca orgânica;
  • campo de busca — facilita a navegação pelo seu site, pois o usuário, em vez de ficar procurando por elementos soltos, pode apenas digitar o que procura;
  • menus organizados — além do campo de busca, outra forma de facilitar a vida do usuário é criando menus organizados e hierarquizados, reduzindo a quantidade de cliques para achar o que procura;
  • hiperlinks — insira hiperlinks na barra lateral, com a ajuda widgets e categorize-os, seja por post mais lidos, mais comentados, mais recentes, produtos mais vendidos, mais bem avaliados etc.

Como vimos, neste post, os plugins e widgets podem transformar um site simples em uma página poderosa, capaz de garantir um bom retorno para o usuário — financeiro, ou de audiência e captação de leads. Manter a sua empresa sem o espaço na internet é estar fora do radar. Não há mais desculpas, com os plugins e widgets, ninguém mais precisa ser um mago dos códigos para criar um site.

Gostou do post? Quer saber como criar e hospedar um site profissional? Entre em contato conosco e descubra como.