fbpx

À medida que mais pessoas começam a usar dispositivos móveis, como smartphones e tablets para todas as tarefas de negócios que apenas os computadores podem ter, uma coisa ficou clara: os dispositivos móveis estão assumindo a navegação na Internet. É tudo, desde navegar nas mídias sociais, usar aplicativos, verificar e-mails e fazer compras online.

Pensando nesse novo comportamento do usuário, uma conclusão fica clara: é extremamente importante que o site da sua empresa agora seja compatível com dispositivos móveis e responsivo à web.

Neste artigo, nós falamos sobre a real importância da responsividade web e damos algumas dicas para você alcançar um site verdadeiramente responsivo. Confira!

O que é responsividade web?

Quando falamos em responsividade web, isso significa que o conteúdo ou o layout do site é flexível para caber nos diferentes tamanhos de tela em que são exibidos. Se você estiver vendo esse site no computador, o layout pode ser diferente quando abri-lo no seu smartphone. No entanto, os componentes serão quase os mesmos. Isso ocorre porque o nosso blog é responsivo no design.

Ou seja, um design de site responsivo é uma abordagem para um design de web codificado para renderizar o layout corretamente em diferentes tamanhos de tela ou em uma variedade de dispositivos.

Quais são os princípios da responsividade web?

O web design responsivo é construído sobre vários princípios para funcionar corretamente. Abaixo estão alguns dos mais essenciais para você começar.

Estrutura intuitiva

É essencial que um site seja o mais intuitivo possível. Quanto mais fácil for para os usuários encontrarem exatamente o que estão procurando, melhor. Tudo no site deve ser autoexplicativo. Nunca permita que consultas ou pontos de interrogação apareçam na navegação. O design intuitivo e a navegação simples também tornam a experiência do usuário mais envolvente. Os visitantes não devem ter que se perguntar como chegar do ponto A ao B.

Grades fluidas

Quando um layout é codificado em proporções relativas dos elementos na página, esse design é chamado de “grade de fluido”. Tradicionalmente, um layout CSS usa grades de largura fixa para posicionar cada elemento na página da web. Hoje, essa abordagem de largura fixa não é mais viável, pois existem tantos monitores, desde telas de telefone a telas de HDTV. Agora, cada elemento recebe um tamanho ou porcentagem relativa, em vez de alturas e larguras específicas.

Acessibilidade

Cada usuário deve poder acessar todas as informações da sua página da Web da maneira mais fácil possível. O texto deve ser legível em todos os tamanhos de tela. As cores devem ser atraentes, mas não duras para os olhos. Não deixe que o conteúdo seja dominado pelo plano de fundo. O design deve ter harmonia visual e equilíbrio com o esquema de cores e o contraste.

Uso adequado de pontos de interrupção

Tentar definir pontos de interrupção com base em tamanhos e dispositivos de tela específicos pode se transformar em um pesadelo de manutenção. É melhor criar pontos de interrupção com base no próprio conteúdo, e não em dispositivos ou produtos específicos. Para o design, comece com a menor tela móvel primeiro e depois aprimore gradualmente a experiência. Você deseja manter as linhas de texto com no máximo 75 caracteres.

Quais os benefícios de ter um site responsivo?

A responsividade web beneficia os designers, os desenvolvedores, as empresas e, mais importante, os seus usuários de várias maneiras. Vamos falar sobre alguns desses benefícios a seguir.

Mais tráfego móvel

É cada vez mais importante que as empresas tenham sites que sejam renderizados corretamente em telas menores para que os usuários não encontrem imagens distorcidas, ou experimentem um layout de site abaixo do ideal. Embora algumas empresas ainda optem por ter uma versão separada de seu site para usuários móveis, o design responsivo está se tornando a norma, pois oferece mais tráfego móvel e maior versatilidade a custos mais baixos de desenvolvimento.

Páginas mais rápidas

Os usuários móveis, em particular, têm curtos períodos de atenção. Estudos mostram que os visitantes móveis tendem a abandonar páginas da Web que demoram mais de três segundos para concluir o carregamento. Se um site não for otimizado para smartphones e tablets, também levará mais tempo para navegar, o que pode frustrar os clientes a um ponto sem retorno.

Garantir que o site responsivo use técnicas modernas de desempenho, como cache e exibição responsiva de imagens, ajudará a melhorar a velocidade de carregamento da página da web.

Taxas de rejeição mais baixas

Um site móvel responsivo e otimizado fornece uma experiência muito melhor para o visitante. Portanto, é muito mais provável que eles permaneçam por um longo período de tempo e explorem diferentes áreas do seu site. Como alternativa, se o seu site não responder, é muito mais difícil manter o visitante envolvido e, portanto, é mais provável que ele retorne.

Maiores taxas de conversão

Reduzir sua taxa de rejeição é apenas metade da batalha. Criar uma experiência consistente do usuário em todos os dispositivos é essencial para converter novos clientes. Quando os usuários decidem se desejam ou não assinar um serviço, eles não querem ser redirecionados para sites específicos de dispositivos, porque o processo geralmente leva mais tempo.

Ter um site único e seguro, com aparência profissional em todas as plataformas, torna menos provável que os usuários se frustrem ou se voltem para um concorrente.

SEO aprimorado

O design responsivo da web está se tornando tão importante para a otimização de mecanismos de busca quanto o conteúdo de qualidade. Backlinks mais fortes e melhores taxas de rejeição se traduzem em classificações de pesquisa mais altas, mas há um benefício extra de SEO para sites otimizados para celular.

Ter um único site responsivo, em vez de versões separadas para computador e celular, evita o problema de conteúdo duplicado, o que pode afetar negativamente sua classificação na pesquisa.

Experiência de navegação online aprimorada

As primeiras impressões são tudo, portanto, se alguém está visitando um site pela primeira vez a partir de seu desktop ou smartphone, você deseja que eles tenham uma experiência sempre positiva. Se os visitantes precisarem fazer muito zoom, diminuir e beliscar suas telas durante a primeira visita, é provável que desistam e experimentem outro site.

À medida que o número de dispositivos no mercado continua a crescer exponencialmente, o estudo do design responsivo se tornará mais complexo. Embora seja fácil supor que todos os benefícios do design responsivo da web tenham sido aprimorados, provavelmente ainda estamos na infância. As pessoas agora estão acessando a web por meio de fones de ouvido de realidade virtual, e os smartphones permitiram a criação de tipos totalmente novos de aplicativos, como jogos de realidade aumentada, para que não haja falta de novos desafios no futuro.

As preocupações futuras dos desenvolvedores incluirão a redução dos custos de manutenção, otimização contínua dos mecanismos de pesquisa e taxas de conversão aprimoradas. Os avanços mais recentes na responsividade web se concentraram em acomodar telas menores e essa tendência não tem sinais de desaceleração. No entanto, também é importante não esquecer os usuários que usam telas maiores, para que todos tenham uma experiência semelhante no final.

Ficou alguma dúvida sobre o assuntou ou você gostaria de acrescentar algum ponto que não foi citado neste artigo? Deixe seu comentário logo abaixo!

Escreva um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.