fbpx

Conheça as 8 melhores plataformas para criação de sites e suas vantagens

Conheça as 8 melhores plataformas para criação de sites e suas vantagens

Powered by Rock Convert

Quando a internet se popularizou, em meados da década de 1990, ter um site era um artigo de luxo para as empresas. Além disso, as páginas eram meros cartões de visita virtuais, com informações como endereço e telefone e um texto institucional simples. Hoje, ter um site é uma necessidade e ele é imprescindível para qualquer estratégia de marketing e vendas.

É por isso que as empresas precisam conhecer as melhores plataformas para criação de sites, para que possam verificar as funcionalidades de cada uma e, assim, escolher a ideal para o seu negócio, de acordo com as suas necessidades.

Para auxiliá-lo nesse momento, a seguir vamos listar as principais plataformas para a criação de sites. Acompanhe e confira agora mesmo!

1. Wix

A Wix é uma plataforma para criação de sites bastante dinâmica e que possibilita que qualquer pessoa que tenha habilidades básicas em informática possa criar um site, sem que seja necessário contratar um programador. Isso porque são disponibilizados templates prontos que podem ser personalizados, possibilitando a criação desde sites corporativos mais simples até lojas virtuais.

Muitos empresários de pequeno porte fazem o site no Wix para evitar gastos, uma vez que existe um plano grátis para o uso da plataforma. Porém, a versão gratuita tem recursos limitados, como um espaço reduzido para armazenamento e exibição de propagandas para os usuários.

Já os planos pagos possibilitam um espaço maior de hospedagem e não mostram anúncios publicitários para as pessoas que acessarem o seu site.

2. Webnode

O Webnote tem funcionamento similar ao Wix, disponibilizando templates que podem ser personalizados por qualquer pessoa, mesmo que não se tenha conhecimentos em linguagem de programação.

Assim como o Wix, também há planos gratuitos e pagos. No primeiro caso, não é possível ter um domínio próprio e há limitação no tráfego e no espaço de armazenamento. Já nas opções pagas, há ferramentas de marketing e mais possibilidades envolvidas.

3. Duda

A Duda é uma ferramenta focada para blogs e para e-commerces, tendo como diferencial o fato de que o carregamento costuma ser mais rápido do que o de outras plataformas.

A criação dos sites também é bastante simples, bastando arrastar e soltar os elementos para configurar as páginas. Essa simplicidade facilita para que os sites sejam responsivos, ou seja, eles se adaptarão ao tamanho de tela em que o usuário os acessa.

4. Shopify

O Shopify é uma plataforma exclusiva para a criação de lojas virtuais, sendo uma das opções mais procuradas pelos proprietários de e-commerces. Entre outras vantagens, garante a integração da loja com o Facebook, para que os produtos sejam vendidos também nessa rede social e no Instagram.

A plataforma também possibilita a integração com meios de pagamentos digitais, como o PagSeguro e o PayPal. Isso é importante, uma vez que os clientes poderão adquirir os produtos e fazer os pagamentos com boleto bancário ou cartão de crédito, de forma simples, prática e segura.

5. Jimdo

A Jimdo também é uma das plataformas para criação de sites mais completas, pois oferece um espaço maior de armazenamento, de modo que você poderá carregar mais fotos, textos e vídeos no modo gratuito.

Outro diferencial da Jimdo é a integração com o Google Maps, para que a sua empresa tenha a localização mostrada para os usuários que acessarem o site. Porém, há uma limitação grande em relação ao uso de um subdomínio próprio.

6. WordPress

A grande maioria dos sites é feito com a plataforma WordPress, que, assim como as anteriormente citadas, tem versões gratuita e paga. Por meio dela, é possível criar qualquer tipo de site, como páginas institucionais, landing pages, e-commerces, blogs, portais de notícias etc. A versão gratuita do WordPress é chamada de WordPress.org.

Entre as diversas vantagens que o WordPress proporciona, está a instalação de plug-ins, que são complementos para o site. Um site de notícias pode instalar um plug-in que mostre sempre a temperatura e a previsão do tempo para determinada região, por exemplo.

Além disso, os templates podem ser personalizados de acordo com a necessidade de cada usuário, possibilitando que você altere cores, botões, posicionamento dos elementos etc. Caso tenha conhecimentos em linguagem de programação, é possível fazer ainda mais alterações, deixando o seu site exatamente como foi planejado para a sua empresa.

7. Yola

O Yola é um outro exemplo de plataformas para criação de sites gratuitas. Porém, ela tem bastante limitações, como a publicação de apenas três páginas por site. Isso quer dizer que, se você tiver um site que tenha uma página institucional, uma de contato e outra mostrando os seus produtos, não poderá criar uma página para depoimentos de clientes, por exemplo.

Outra limitação da Yola é que ela só permite criar sites com o tamanho máximo de 1 GB de arquivos. Assim, se você tiver que colocar muitas fotos no seu site, esse pode ser um problema a ser enfrentado. É por isso que essa plataforma só é recomendada para sites de empresas pequenas e que não necessitam de muito espaço.

8. Squarespace

O Squarespace é um exemplo de plataformas para criação de sites que é totalmente paga, ou seja, não existe uma versão free com menos recursos, como a maioria das concorrentes.

No entanto, o Squarespace se destaca pelo webdesign, pois tem templates muito bonitos e que causam alto impacto em que os visualiza. Ele é bastante recomendado, portanto, para empresas que têm um forte apelo visual em seus produtos, como uma marca de roupas.

Além dos templates, a plataforma disponibiliza um banco de imagens com mais de 40 milhões de fotos e desenhos que você pode utilizar no seu site, que poderá ser criado de acordo com a sua necessidade ou desejo.

Conhecer as melhores plataformas para criação de sites é importante para que você possa analisar os prós e contras de cada uma delas e escolher a opção mais adequada para o seu negócio.

Além disso, você também deve se preocupar com a hospedagem do seu site. Ela também pode ser paga ou gratuita. Saiba mais no post “Vale a pena ter uma hospedagem de site grátis?”.

Deixe um comentário

avatar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
Notify of