fbpx

Tudo o que você precisa saber sobre os tipos de certificados SSL

Tudo o que você precisa saber sobre os tipos de certificados SSL

Powered by Rock Convert

Você já parou para pensar sobre a importância dos sites para as empresas nos dias de hoje? Desde os pequenos empreendedores, até as grandes multinacionais estão na internet para divulgar os seus produtos e desenvolver estratégias digitais. Afinal, esse é um dos principais meios de comunicação da contemporaneidade.

Por conta disso, é necessário buscar meios para se proteger no meio digital e conhecer os tipos de certificados SSL é interessante nesse sentido. É sobre isso que falaremos neste post, que apresentará tudo o que você precisa saber sobre esse assunto.

Assim, ao terminar a leitura, você terá absorvido muitas informações sobre os tipos de certificados SSL, bem como outras informações acerca dessa temática. A ideia é que você possa utilizar esse material como fonte de consulta para escolher a melhor certificação para o seu negócio.

Siga conosco e entenda o que é um certificado SSL, qual é a sua importância, como instalar certificado SSL em um site, os diferentes tipos que existem e as vantagens de utilizá-los. Ficou interessado em aprender tudo isso? Então, é só seguir a leitura nos tópicos a seguir!

Entenda o que é um certificado SSL

SSL é uma sigla em inglês para Secure Sockets Layer, algo que pode ser traduzido como camada de segurança. Trata-se, portanto, de um protocolo de segurança que foi criado pela Netscape e que passou a ser utilizado em todo o mundo para a troca sigilosa de informações.

Imagine, por exemplo, quando um cliente compra um produto de um e-commerce. Nesse caso, para fazer o pagamento, ele precisa fornecer para o site as informações do seu cartão de crédito para finalizar a compra. Esses dados são sigilosos e não podem vazar de forma alguma. O certificado SSL atua nesse sentido, contribuindo para que as informações sejam preservadas e não acessadas por terceiros.

A tecnologia SSL já é incorporada a todos os browsers mais populares, como o Google Chrome, o Internet Explorer, o Mozilla Firefox, entre outros. Assim, eles funcionam de forma segura, quando se conecta um servidor habilitado com essa tecnologia.

Para saber se um site têm o certificado SSL instalado é bastante simples, basta observar o seu endereço. Todas as URLs com SSL iniciam com as letras https. Isso garante aos usuários que não divulguem informações para hackers ou pessoas mal intencionadas.

O certificado SSL contém um par de chaves de criptografia, que serve para codificar e decodificar as informações que são trocadas entre o navegador utilizado pelo usuário do site e o seu servidor. De maneira geral, ele funciona como uma camada extra que o domínio tem, evitando que dados relevantes sejam vazados.

Com o certificado SSL, nenhuma outra pessoa ou robô poderá ter acesso às informações que são trocadas entre o servidor e o navegador, pois, as informações são criptografadas.

É por conta disso que o certificado SSL é tão utilizado na internet e hoje está presente em sites de praticamente todos os tipos, principalmente naqueles em que os usuários precisam compartilhar dados pessoais, tais como senhas de acesso e número de cartões de crédito.

Saiba a sua importância

Todos os tipos de certificados SSL são importantes para as empresas, uma vez que garantem uma série de benefícios para quem os utiliza. Para que você entenda mais sobre essa relevância, listamos uma série de vantagens que são proporcionadas por eles. Acompanhe!

Uso da criptografia

Conforme explicamos, o certificado SSL utiliza a criptografia de ponta a ponta para que as informações compartilhadas tenham segurança e os processos sejam feitos de forma segura.

Falamos anteriormente sobre a utilização de um par de chaves de segurança. Essas chaves são chamadas de privada e pública. A chave privada é a que é instalada no servidor, criando assim o certificado de autenticidade.

Já a chave pública é instalada no servidor e permite que os sites e seus usuários tenham acessos às informações sigilosas, como os dados bancários, por exemplo.

Melhor ranqueamento da página no Google

A maioria das pessoas faz buscas na internet para encontrar por produtos e serviços que desejam adquirir. Assim sendo, as empresas desenvolvem estratégias de marketing digital e SEO para fazer com que os seus sites estejam sempre entre as primeiras posições nas buscas de palavras-chave sobre a área da empresa.

O certificado SSL também funciona nesse sentido, uma vez que os algoritmos do Google verificam se os sites são seguros. O buscador parte do pressuposto que tem compromisso com o que recomenda para os seus usuários. Por conta disso, é feita essa verificação.

Assim sendo, ao utilizar um certificado SSL, o algoritmo do Google passa a ser posicionado para que seja mais bem posicionado nos processos de busca. Isso fará com que ele tenha mais visibilidade e seja acessado por mais visitantes.

Mais opções de pagamento para e-commerces

As próprias operadoras de cartões de crédito exigem que as lojas virtuais tenham certificado SSL para que possam receber de seus clientes. Assim sendo, quem tem um comércio digital, precisa investir em segurança, para que possa oferecer mais opções de pagamento para os seus clientes.

O pagamento com cartões de crédito é muito mais prático para os clientes do que o boleto bancário, por exemplo. Logo, fornecer esse meio de pagamento é tão importante para os e-commerces, mas, para isso, é preciso investir em um certificado SSL para o seu site.

Redução de fraudes

Infelizmente a criminalidade não nos ameaça apenas nas ruas das cidades, mas também nos ambientes digitais. Não é raro ouvirmos relatos de cibercrimes, envolvendo roubo de dados, por exemplo.

Por conta disso, investir em um certificado SSL para sites é importante para evitar que ocorram fraudes, que possam prejudicar você e os usuários que trafegam pela sua página. De tal forma, os hackers não poderão acessar tão facilmente os dados trocados entre as partes.

Esses são os principais motivos que atestam a importância do certificado SSL em um site. Agora que você já sabe sobre eles, deve estar se perguntando sobre como é feita a instalação dessas certificações em seu domínio, não é mesmo? Falaremos sobre isso, em seguida!

Fique por dentro de como instalá-lo em seu site

Antes de aprender sobre os diferentes tipos de certificados SSL, convém que você entenda como instalá-lo em seu site. Criamos uma espécie de tutorial para que você possa seguir passo a passo. Veja!

Obtenha as informações

O primeiro passo para instalar o SSL é obter as informações sobre o certificado. Algumas empresas de hospedagem, como a ValueHost, oferecem esse serviço. Consulte e veja quais são as opções disponíveis.

Além disso, você também pode gerar um certificado SSL gratuito, porém isso só funciona bem quando se utiliza um servidor dedicado ou VPS. Caso contrário, não é tão recomendável fazer a geração por conta própria.

Para gerar um certificado SSL gratuito é necessário saber as seguintes informações:

  • endereço de IP;
  • nome do usuário do servidor (aqui é necessário que o servidor tenha privilégios de admin ou sudo);
  • senha do usuário (de preferência a senha deve ser do tipo SSH key);
  • software utilizado;
  • sistema operacional e número da sua versão (por exemplo, Ubuntu 16.04).

Essas informações devem ser todas cadastradas no cPanel e você precisa contatar o seu host para que todos esses dados sejam obtidos.

Gere o certificado

Uma vez que todas as informações estiverem reunidas, você deverá se conectar ao seu servidor para instalar uma ferramenta, que gerará o certificado SSL. Para isso, é preciso fazer o login e enviar comandos SSH.

No caso de quem usa o sistema operacional Mac, recomenda-se o uso do aplicativo embutido chamado de Terminal. Já para quem utiliza o Windows, recomenda-se que seja feito o download de um app chamado PuTTY.

Também existem alguns hosts que oferecem uma interface web própria para a execução dos comandos diretamente no servidor.

Faça a instalação

A instalação do certificado SSL varia muito de acordo do tipo de certificação escolhida. Vamos mostrar aqui os passos necessários para instalar o modelo gratuito Let’s Encrypt, recurso disponível em todos dos planos de hospedagem e revenda de hospedagem da ValueHost. Observe!

  1. Acesse o seu cPanel e encontre um ícone chamado de Let’s Encrypt for cPanel;
  2. Na página onde estão listados o seu domínio e os seus subdomínios, clique em Issue;
  3. Uma nova tela se abrirá e depois disso você precisa clicar novamente no botão Issue.

Feito isso, você terá instalado o SSL em seu site. É importante, depois disso, testar para saber se tudo está funcionando normalmente. Para isso, basta acessar o endereço da sua página, colocando o https:// na frente, em vez do http://. Se funcionar corretamente, significa que você fez o trabalho da maneira adequada e não há motivos para se preocupar.

Configure o SSL em todas as páginas do seu site

Depois de ter o SSL instalado, é preciso configurá-lo para que ele funcione de forma permanente em todas as páginas do seu site. De nada adianta, para o seu usuário, ter segurança apenas na home e estar sujeito a perigos em outras abas do site.

Para isso, é preciso fazer uma nova configuração, que pode ser realizada de três maneiras. Veja quais são elas!

WordPress

Se você utiliza um site WordPress, basta instalar no seu CRM um plugin chamado Really Simple SSL. Feito isso, se o certificado SSL estiver instalado corretamente, ele funcionará de forma plena em todas as páginas.

Script em PHP

No caso de você ter um site com o script PHP puro, com todas as páginas passando pelo index.php, é possível fazer com que o certificado SSL instalado funcione em tudo, apenas adicionando algumas linhas ao código de programação.

As linhas que devem ser adicionadas são as seguintes:

[code lang=”php”]

if($_SERVER[“HTTPS”] != “on”)

{

header(“Location: https://” . $_SERVER[“HTTP_HOST”] . $_SERVER[“REQUEST_URI”]);

exit();

}

[/code]

Arquivo .htacccess

Também é possível configurar SSL em todas as páginas do site por meio de um arquivo .htacccess. Para isso, você deve criá-lo ou editá-lo, caso já o utilize, na pasta raiz do seu site.

A ideia é que esse arquivo possa “forçar” a execução do certificado SSL em todas as áreas do seu site. Para isso, se o seu conteúdo estiver em HTTP aberto, deve-se colar as seguintes linhas na programação:

[codelang= ”shell”]

RewriteEngine On

RewriteCond %{SERVER_PORT} 80

RewriteRule ^(.*)$ https://seudominio.com/$1 [R=301,L]

[/code]

Agora, se o site estiver em uma pasta, você precisa utilizar o seguinte código:

[code lang=”shell”]

RewriteEngine On

RewriteCond %{SERVER_PORT} 80

RewriteCond %{REQUEST_URI} folder

RewriteRule ^(.*)$ https://seudominio.com/pasta/$1 [R=301,L]

[/code]

Pronto! Uma vez feito isso, você terá um certificado SSL em seu site e poderá obter todos os benefícios que ele oferece para as páginas.

Conheça os 3 tipos de certificados SSL

Existem diferentes tipos de certificados SSL. Atualmente, 3 deles são mais comuns e nós os apresentamos nos subtópicos a seguir. Vamos trazer informações relevantes sobre cada um deles, para que você entenda as semelhanças e diferenças, bem como os casos em que o seu uso é indicado. Siga conosco e confira!

1. Certificado SSL com validação do domínio

Também conhecido pela sigla em inglês DV, que significa Domain Validation, esse é p tipo de certificado SSL mais popular no mundo e o mais utilizado na grande maioria dos sites que você acessa. Tal modelo valida apenas o domínio do site, confirmando assim que os dados e informações trocados entre a empresa e o usuário serão criptografados, de modo que permaneçam protegidas de terceiros.

Para identificar se um site utiliza com certificado SSL com validação de domínio, basta verificar se antes do endereço de URL há um cadeado verde. Em alguns navegadores, ao lado dessa figura também aparece a palavra “seguro”, indicando que o local em que se está navegando é criptografado.

O certificado SSL com validação de domínio também tem extensão para dispositivos móveis. De tal forma, se alguém acessar o seu site por meio de um smartphone ou tablet, também estará seguro.

Além disso, também protegem todos os subdomínios, para o caso de você utilizar um blog, por exemplo. Assim, tanto o site da sua empresa — como, por exemplo, www.meusite.com.br — quanto o seu blog, www.blog.meusite.com.br estarão protegidos.

Recomenda-se que esse tipo de certificado SSL seja instalado em sites em que os usuários precisam preencher formulários com dados pessoais, tais como nome completo, e-mail e telefone. Também é recomendado para os servidores de webmail e sistemas.

2. Certificado SSL com validação da organização

O certificado SSL com validação da organização também é conhecido pela sigla em inglês OV, que significa Organization Validation. Nesse tipo de certificação, além do domínio do site, informações sobre a empresa também são analisadas. De tal modo, ele considera informações como o nome ou razão social da companhia, a cidade, o estado e o país onde ela se encontra etc.

Tais dados são confirmados de forma automática, por meio de consultas que são feitas a um banco de dados que é mantido por uma entidade governamental. De tal modo, existem casos em que a certificadora entra em contato com a organização, para confirmar os seus dados, caso alguma transação seja realizada.

Para saber se um site tem o certificado SSL com validação da organização, deve-se fazer a mesma observação feita com a validação do domínio, ou seja, verificar se há um cadeado verde na barra de endereços antes da URL. Porém, além disso, também é possível consultar as informações acerca da organização, que podem ser verificadas em qualquer navegador web.

Esse tipo de certificado é recomendado para os sites que dependem mais da confiança dos usuários, como é o caso dos e-commerces. Isso porque, ao fazer compras em uma loja online, as pessoas terão que disponibilizar os seus dados bancários ou número do cartão de crédito, por exemplo. Logo, necessitam saber se o site é seguro.

Em tempos de fake news e em que qualquer um pode criar um site ou blog de notícias, atualmente muitos jornais e portais de notícias também estão optando por esse tipo de certificado SSL para dar credibilidade ao trabalho que realizam.

3.Certificado SSL com validação estendida

Assim como acontece com os demais tipos de certificados SSL, o de validação estendida também é conhecido por uma sigla em inglês. Nesse caso, é EV, que significa Extended Validation.

Esse certificado é feita uma validação completa da empresa que o utiliza, fazendo uma verdadeira auditoria da organização. Isso porque, além das informações digitais, a certificadora ainda faz uma visita técnica à sede física da empresa, verificando os seus meios de funcionamento e forma de trabalho, com o objetivo de garantir a sua idoneidade.

É importante lembrar que o certificado SSL com validação estendida não é válido para os subdomínios. Assim sendo, se você tiver um blog ou alguma outra variação do seu domínio, precisará contratar uma certificação para cada uma delas.

Por se tratar de um processo bem mais complexo e também mais caro, apenas as empresas de grande porte, como os e-commerces de grandes marcas do comércio varejista e as instituições financeiras utilizam esse tipo de certificado.

Esses são os três principais tipos de certificados SSL. É importante que você conheça cada um deles, para que possa verificar qual deles é o mais interessante para o site da sua empresa.

Conheça os certificados da ValueHost Hospedagem

A ValueHost Hospedagem oferece aos seus clientes, soluções eficientes, quando falamos em tipos de certificados SSL. A seguir, vamos explicar as vantagens de dois dos nossos modelos ofertados, o certificado SSL Comodo e o certificado SSL Geotrust. Veja!

Certificado SSL Comodo

A Comodo, parceira da ValueHost, é uma das maiores certificadoras digitais do mundo e oferece um certificado SSL com muito mais qualidade para os seus usuários.

Para se ter uma ideia, com o Comodo SSL Certificate, você protegerá o seu site com a encriptação SSL de 256 bits. Esse serviço é ideal para e-commerces, uma vez que garante a segurança dos dados compartilhados pelos clientes.

Porém, não são apenas os e-commerces que devem se preocupar com a segurança dos usuários dos sites. Como explicamos, qualquer empresa que tem uma página na internet deve ter esse cuidado e pode contar com um certificado SSL Comodo para isso.

Certificado SSL Geotrust

Desde 2001, quando a internet ainda não era tão popular e não era toda empresa que tinha site, a Geotrust já atuava certificando a segurança das páginas digitais. Toda essa bagagem faz com que o certificado SSL dessa empresa, que é parceria da ValueHost, garanta a segurança para os clientes que utilizarem esse serviço.

Entenda as vantagens dos certificados da ValueHost Hospedagem

Ambas as empresas certificadoras parceiras da ValueHost Hospedagem oferecem vantagens para os usuários. Conheça as principais delas, a seguir!

Suporte eficiente

Garantimos um suporte que vai além dos padrões, no que se refere à prestação de serviços. Estamos sempre à disposição para esclarecer qualquer dúvida ou esclarecimento que os usuários têm, em qualquer etapa do processo.

Qualidade garantida

Nossas certificações têm qualidade garantida, de modo que os usuários que acessarem o seu site estarão sempre seguros. Assim, as pessoas poderão ter mais confiança para compartilhar dados e fazer negócios com a sua empresa no meio digital.

Uptime / SLA de 99%

SLA significa Service Level Agreement ou Acordo de Nível de Serviço, quando traduzido para o nosso idioma. Trata-se de uma métrica que mostra ao público sobre a qualidade de um serviço que está sendo contratado. Os nossos serviços de certificação têm um SLA de 99%, ou seja, garantimos mesmo algo de muita qualidade.

Se você leu todo o nosso artigo até aqui, já sabe mais sobre o conceito de certificado SSL, a sua importância para as empresas e como instalá-lo em seu site e os diferentes tipos existentes no mercado.

É importante que você conheça sobre os diferentes tipos de certificados SSL, uma vez que, dessa forma, fica mais fácil verificar qual é a opção ideal para o seu negócio e, assim, fazer a contratação do que achar ser mais indicado,

Nesse momento, você pode contar sempre com a ValueHost, pois prestamos esse serviço e temos bastante experiência na área. Para saber mais sobre nossos certificados SSL ou, então, solicitar um orçamento, não deixe de entrar em contato conosco agora mesmo! Para nós, será uma grande satisfação receber a sua mensagem.

Deixe um comentário

avatar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
Notify of