O que mais ainda Influencia em SEO?

O que mais ainda Influencia em SEO?

O Google anda muito mais exigente em relação a qualidade do conteúdo indexado, até mesmo porque a oferta de material tem aumentado bastante e o Google tem como selecionar melhor os resultados que devem aparecer para as pessoas que realizam as buscas.

No entanto ainda existem diversas outras coisas que também podem ser trabalhadas em relação a SEO de forma a conseguir melhores posições nos resultados das buscas. Mas lembre-se de que SEO sem conteúdo de qualidade não funciona muito bem.

Links Internos

Os links internos ajudam os visitantes a navegarem dentro de seu website, levando eles de uma página a outra sem que eles precisem adivinhar o endereço correto da página.

Os buscadores também utilizam os links como uma forma de encontrar as demais páginas de seu site e também para entender quais são as páginas mais importantes dentro do site, além de quais palavras-chave elas devem ser associadas.

Links Externos

Os links externos que um site recebe, ou seja, aqueles links apontados de outros sites para o seu ainda tem um grande peso para os buscadores, porque eles são considerados como voto de credibilidade. Quanto mais votos uma determinada página recebe, mais importante ela pode ser para o indexador do Google.

Porém, para que os links externos realmente tenham valor, eles devem ser criados naturalmente, ou seja, eles não podem ser frutos de compra de link, parcerias ou mesmo de seus próprios sites (quando você tem mais de um site e cria links de um para o outro).

Site bem Estruturado

Um site bonito, fácil de navegar e de ler o conteúdo também é um fator importante para o Google, pois isso ajuda a manter os leitores por mais tempo dentro do site, indicando para o Google que o site tem qualidade.

Se o site for confuso ou difícil de ler o conteúdo (quando o texto se confunde com a cor do fundo por exemplo) e os visitantes voltarem para o buscador logo após acessarem o site em questão, isso indica ao Google que o site pode ter algum problema e não oferece as qualificações que ele procura.

Portanto, criar um layout limpo e agradável é um importante fator para conseguir boas posições nos resultados das buscas.

Tags H1, H2, H3

As tags H1, H2, H3 e etc ajudam o indexador do Google a entender as principais palavras-chave de cada página. O nível mais alto é o H1, que normalmente é utilizado com a principal palavra-chave do site e apenas 1 vez.  O restante podem ser utilizadas mais de uma vez, mas sem exageros.

Aqui no meu blog por exemplo a principal palavra-chave é Criar Sites, portanto esta palavra deve aparecer 1 vez em volta da tag H1 da seguinte forma <h1>Criar Sites<h1>

Já os títulos dos posts aparecem com a tag H2 porque eles seriam a segunda principal palavras-chave dentro das páginas.

Densidade de palavras-chave

O indexador do Google interpreta e cataloga textos, portanto você deve adicionar em suas páginas as palavras-chave que acha importante dentro do contexto pelo menos 3 vezes, para indicar ao indexador que aquele grupo de palavras são os mais importantes.

Procure adicionar as mesmas palavras-chave utilizadas no título no primeiro parágrafo e em outros pontos dentro do artigo.

Velocidade de carregamento

Ninguém gosta de esperar, muito menos os seus visitantes, portanto é essencial que seu site carregue rapidamente no navegador, sobre a condição de que eles saiam do site caso isso não aconteça.

O problema aqui é que se um visitante acessa sua página vindo do Google e logo em seguida volta para o Google para procurar por outro site que se encaixe em suas buscas, seu sistema de alerta vermelho é acionado, indicando que pode haver algum problema com o site em questão.

Se houverem muitos casos assim, o indexador do Google pode rebaixar seu site nos resultados das buscas.

Portanto, é essencial que você hospede seu site em um servidor rápido e que não adicione coisas demais que possam deixá-lo lento de alguma forma. Quem usa o WordPress por exemplo, deve ficar de olho nos plugins, que podem estar realizando processos demais no servidor e deixando o blog mais lento.

A regra aqui é simples, elimine de seu site tudo aquilo que não está realmente sendo útil.

Taxa de rejeição

Quando um visitante entra em uma página de seu site e logo em seguida volta para o Google ou qualquer outro site, isso é considerado uma rejeição.

Quanto mais elevada é a taxa de rejeição de uma página, maior é indicador de que a página pode ter algum problema, seja ele conteúdo fraco, erro na página, lentidão, excesso de banners, otimização para palavras-chave que não condizem com o conteúdo, entre outras coisas.

Nestes casos, o Google costuma penalizar a página em questão, rebaixando ou mesmo eliminando dos resultados das buscas.

Portanto, é sempre bom analisar as estatísticas para descobrir quais são as páginas com mais rejeição ou com tempo de permanência muito baixo para descobrir possíveis problemas que podem estar afastando os leitores de seu site.

Conclusões

Ainda existem algumas outras técnicas que podem funcionar hoje em dia, mas no meu ponto de vista elas não são tão eficientes quanto as que citei acima. O principal fator é mesmo o conteúdo que deve ser de extrema qualidade.

Deixe um comentário

avatar

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Subscribe  
Notify of